Como aplicar a gamificação na educação?

Gamificação na educação

O mundo passa por uma transformação constante e na educação não é diferente. A forma de ensinar é, hoje, bem diferente do que era antes. Há desafios – como a concorrência com smartphones no que se refere à atenção dos alunos -, mas há benefícios também, como por exemplo, a gamificação na educação.

Este formato vem ganhando força nos últimos anos ao aliar o aprendizado à tecnologia e, principalmente, à diversão dos alunos. Acaba por ser tornar um meio interesse de educar e ser mais assertivo quanto aos conteúdos que precisam ser retidos pelos estudantes.

Seja na aplicação para crianças ou para adultos, essa forma de aprendizado está cada vez mais em evidência na educação.

O que é gamificação na educação?

Uma das tendências da atualidade, a gamificação na educação é transformar o aprendizado em uma situação de jogo, trazendo as dinâmicas dos games para o processo de aprendizagem dos alunos.

Além de atrair a atenção do público mais jovem, este formato busca tornar a educação mais divertida, o que faz com que os participantes aprendam mais.

Com os avanços da tecnologia, há recursos que deixam tudo mais dinâmico e intuitivo, como por exemplo, a possibilidade de criar uma competição saudável, com pontuações e ranking, o que motiva os alunos a participar cada vez mais.

Quais os benefícios da gamificação na educação?

O principal benefício que este formato propicia é a retenção da atenção e do aprendizado dos alunos. Com a facilidade de acesso à informação, ficou mais difícil manter a concentração. A gamificação surge como uma ferramenta que ajuda a combater este problema, já que requer atenção para quem participa.

O aprendizado também ganha força com esse modelo, já que estudos apontam que os alunos retêm mais os conhecimentos adquiridos quando, ao mesmo tempo, se vivenciam uma experiência divertida.

Sem contar que a motivação e o engajamento de quem aprende aumenta consideravelmente graças ao dinamismo que a gamificação proporciona.

Sendo assim, a gamificação na educação surge como uma alternativa bastante interessante para quem deseja passar conhecimento para as pessoas de forma assertiva e duradoura.

Como aplicar a gamificação na educação?

Não há dúvidas do quanto a gamificação na educação pode trazer grandes resultados. Porém, antes de inserir esse formato na aprendizagem, algumas perguntas precisam ser respondidas:

Quais os objetivos?

Antes de mais nada, identifique os problemas a serem resolvidos e quais são os aprendizados que você deseja que seus alunos retenham. Escolha os temas que deseja trabalhar e, caso consiga, estabeleça um cronograma de aprendizagem via gamificação.

Qual o perfil dos participantes?

Será que os alunos terão interesse nesse modelo? Qual a faixa etária, quais os hábitos, quais as rotinas e quais as preferências deles?

Mesmo que seja uma tendência, a gamificação pode não ser atrativa para algumas pessoas. Portanto, identifique o perfil deles e, se possível aplique uma pesquisa para saber o quanto eles desejam aprender por meio desse formato.

Qual a plataforma a ser utilizada?

Este item é fundamental, portanto tenha bastante cuidado ao definir qual a melhor plataforma para inserir a gamificação para os seus alunos. Existem diversos formatos, mas depende do perfil dos participantes e dos objetivos que você deseja atingir.

Há plataformas que oferecem a possibilidade de games no formato de quizzes e, até mesmo, ranking em tempo real com os participantes que estão pontuando mais. Dependendo dos objetivos, isto pode ser interessante para maior participação e interação dos alunos.

Haverá premiações?

Ao definir premiações para aqueles que se destacarem nos games, a motivação e o engajamento serão potencializados. Portanto, veja a possibilidade de premiar os vencedores de cada etapa, mesmo que seja algo simples.

Quais as regras do game?

É importante deixar claro a todos quais são as regras do game, para evitar conflitos, desentendimentos e reclamações. Afinal, o intuito é proporcionar um momento agradável a todos, com diversão e aprendizado.

Como você irá mensurar os resultados?

Para saber se a gamificação foi eficaz no processo de aprendizagem, você deve mensurar os resultados no final. Como isso será feito? Via prova, seminário, apresentação em grupo?

Deixe isso pré-definido para que todos estejam preparados e para que você tenha mais rapidez e eficácia nessa análise.

O que você acha da gamificação na educação? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe este e outros artigos com seus amigos!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin